PROJETO NOVA OPORTUNIDADE BUSCA OFERTAR REINTEGRAÇÃO SOCIAL

0
93

“Quando falamos em reintegração social, não estamos nos referindo apenas a cidadãos que passaram pelo sistema penal, mas, nos referimos aos cidadãos que precisam ter os mesmos direitos e condições sociais, que precisam de oportunidades, ou seja, a mesma igualdade social.  Ao me referir “cidadãos com as mesmas condições sociais”, talvez muitos cheguem a pensar que é impossível, mas, precisamos sonhar para existir menos diferenças sociais no Brasil”, disse o Secretário Municipal do Trabalho, Habitação e  Assistência Social de São José do Seridó, Francisco Touché, idealizador do Projeto Nova Oportunidade, que segundo ele é uma nova etapa do Programa Porta de Saída.

Alguns grupos encontram problemas e dificuldades para se reintegrarem na sociedade, neste contexto se dá a importância da igualdade social, de iniciativas/programas e políticas públicas para recuperação e reintegração dessa parte da sociedade excluída, assim, o Governo Municipal de São José do Seridó, através da SEMTHAS, está trabalhando com 65 famílias, que tem algum tipo de vulnerabilidade, seja ela socioeconômica, violência ou vícios.

“Iremos trabalhar desde os vínculos familiares e convivência a inclusão produtiva, para que estas famílias saiam da condição de vulnerabilidade que elas se encontram”, finalizou o titular da SEMTHAS Francisco Touché.

As 65 famílias serão acompanhadas pelos Técnicos Francisco Ezequiel e Simone Santiago, que farão ações intersetoriais com as Secretarias de Saúde, Educação, Esporte e Agricultura, além da inclusão produtiva, promovendo assim a inclusão social destas famílias.

O projeto também visa ajudar dependente químicos, como também, alertar os perigos do uso de drogas lícitas e ilícitas em escolas, programas sociais, fábricas e empresas locais.

Deixe uma resposta